<< Voltar

08 - Lixo gera 1 milhão de empregos - 19/12/2009

Lixo gera 1 milhão de empregos no Brasil Número de brasileiros que sobrevivem como catadores, recolhendo matéria-prima para reciclagem, é quase o mesmo dos trabalhadores contratados com carteira este ano

Em todo o país, 1 milhão de brasileiros sobrevivem da indústria do lixo, recolhendo nas ruas matéria-prima para abastecer a indústria de papel, plásticos, alumínio – um mercado que este ano deve movimentar R$ 12 bilhões. Esse exército de trabalhadores já se aproxima em tamanho da criação de empregos formais no Brasil, que, de janeiro a novembro, contabilizou 1,4 milhão de carteiras assinadas.

Cada catador de papel recolhe pelo menos cinco vezes mais material reciclável do que o poder público e, mesmo trabalhando em sua capacidade máxima, os galpões das cooperativas não são capazes de absorver todo o lixo produzido nas cidades – e muito menos de abastecer o ávido apetite da indústria de recicláveis, que chega a trabalhar, segundo o Compromisso Empresarial pela Reciclagem (Cempre), com até 40% de capacidade ociosa. Um nó que, para ser desfeito, depende da ampliação dos galpões de reciclagem das cooperativas. “A partir do momento em que as prefeituras assinarem um contrato de trabalho formal, certamente a atividade das cooperativas vai crescer", afirma Luiz Henrique da Silva, coordenador da Associação Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCMR).

A Prefeitura de Belo Horizonte explica bem o gargalo do setor: “Não podemos ampliar a coleta seletiva enquanto a capacidade de trabalho das cooperativas não crescer. Os catadores é que fazem a separação do material, identificando o que é reciclável e os galpões já estão trabalhando no máximo de sua capacidade. É preciso entender que a indústria compra o produto final, e não o lixo sem triagem”, diz Aurora Peterzoli, chefe do Departamento de Programas Especiais da Secretaria de Limpeza Urbana.
 

 

Matriz
Rua São Paulo, 57, Centro, Belo Horizonte/MG
Telefone: (31) 3201-7477Veja o mapa
Filial
Praça Vaz de Melo, 117, Centro, Belo Horizonte/MG
Telefone: (31) 3201-7477Veja o mapa
by Harlley