<< Voltar

02 - Grandes empresas se preocupam com impactos ambientais

Reduzir o consumo, Reutilizar quando não é possível reduzir e Reciclar quando não é possível reduzir e nem reutilizar são os 3 ‘Rs’ adotado pelo Banco Real para diminuir os impactos ambientais causados pela negligência, ou até mesmo a falta da informação das pessoas. Por isso, desde 2006, o banco desenvolveu o programa Papa-Pilhas, que é responsável pela coleta de pilhas e baterias usadas para serem recicladas.

Depositadas em lixões e aterros sanitários, pilhas e baterias podem vazar e contaminar o lençol freático, solo, rios e alimentos, causando danos às pessoas e animais. Atualmente, o programa já obteve adesão de cerca de 200 instituições, entre elas TIM, Gerdau, 3M, Votorantim e Johnson & Johnson. Outras 300 companhias já estão cadastradas e serão as próximas a receberem os displays.

O Papa-Pilhas contribui para a melhoria da meio ambiente. “O Programa Real de Reciclagem de Pilhas e Baterias conta com mais de 1.800 pontos de coleta em todo o Brasil. Até dezembro deste ano, a expectativa é atingirmos 3.170. Nossa missão é minimizar o impacto causado pelo descarte inadequado desses materiais no meio ambiente e agora chegou o momento de mobilizar outros parceiros", afirma Victor Hugo Kamphorst, consultor socioambiental do Banco Real.

Na natureza, uma pilha pode levar séculos para se decompor. Os metais pesados, porém, nunca se degradam. Em contato com a umidade, água, calor ou outras substâncias químicas, os componentes tóxicos vazam e contaminam tudo por onde passam: solo, água, plantas e animais.

Com as chuvas, penetram no solo e chegam às águas subterrâneas, atingindo córregos e riachos. A água contaminada acaba atingindo a cadeia alimentar humana por meio da irrigação agrícola ou do consumo direto.

Matriz
Rua São Paulo, 57, Centro, Belo Horizonte/MG
Telefone: (31) 3201-7477Veja o mapa
Filial
Praça Vaz de Melo, 117, Centro, Belo Horizonte/MG
Telefone: (31) 3201-7477Veja o mapa
by Harlley